07
Nov
07

Gerês – bloco de notas IV.

pnpg004-1

Aqui está um passeio para se conhecer o melhor do Gerês em apenas um dia e ao mesmo tempo do Xurés (Espanha). Comece na vila do Gerês e siga pela estrada até à Portela do Homem, atravessando a Mata de Palheiros-Albergaria. Esteja atento aos vários ribeiros e rios que atravessam esta zona, além da extensa mancha de carvalhal, uma das mais antigas de Portugal. Após atravessar a fronteira e no caminho para Lóbios, tome atenção à geira romana que aqui tem um troço extenso e que pode ser percorrido a pé, junto a este caminho existe outro em sentido oposto que o leva até à Corga da Fecha, uma deslumbrante cascata e vale bem percorrer os quase dois quilómetros a pé para lá chegar. Logo a seguir tem Lóbios e as termas do Rio Caldo, umas nascentes de água quente onde pode tomar banho. Aproveite e esteja atento às placas que indicam a sede do parque Natural do Xurés e vá até lá e visione o vídeo de cerca de vinte minutos sobre todo o parque (não precisa de pedir para ver o vídeo, mal entra o convite é imediato).

Daqui siga para o Lindoso, onde se impõe uma visita aos espigueiros e ao castelo. Siga para o Soajo, aproveite as vistas sobre a serra e visite também aqui o núcleo de espigueiros. Atravesse para o Mezio e deslumbre-se com esta mata de carvalhal e com os monumentos megalíticos – isto se houver alguém que lhe abra as cancelas…, está neste momento a ser construída uma nova recepção e por esse facto a porta que existia aqui está encerrada.
Depois tome a estrada até à Peneda e aproveite para se maravilhar com a vista, pare num miradouro e aprecie a vista sobre o santuário da Srª. da Peneda, encravado na rocha. Pare no santuário, aproveite as vistas e coma porque o corpo precisa de descanso e de se alimentar, se por acaso se demorou um pouco mais e já é noite aproveite para dormir no Hotel da Peneda e peça para lhe darem um quarto com vista para a cascata…

Mas para terminar em beleza a nossa viagem nada como prosseguir em frente até Lamas de Mouro, onde deve visitar a porta do PNPG para recolher informações e pedir os pequenos guias dos trilhos da Adere. Siga a estrada até Castro Laboreiro, visite as pontes antigas e os vários pontos de interesse e prossiga até Espanha onde chega novamente perto de Lóbios. É só fazer o caminho de retorno até Portugal até ao ponto de partida, a vila do Gerês.

Se não conhece o Gerês este é um bom ponto de partida, não é absolutamente abrangente mas dá uma perspectiva razoável sobre o PNPG e a parte espanhola do Parque. Pode ficar a conhecer algumas das jóias do Parque e colmatar a informação sobre o mesmo. Pode, se assim desejar, ligar todos estes percursos através da estadia na zona da vila do Gerês e assim ficar durante uns dias para assim conhecer ainda melhor o PNPG. Ainda falta o último passeio, a zona do planalto da Mourela e o famoso mosteiro de Pitões das Júnias. Esse será publicado brevemente mas aproveite este outono primaveril e vá até ao Gerês, como afirmou o fotógrafo João Cosme na entrevista aqui publicada:

“Só conhecendo é que podemos proteger.”

Conheça e proteja o Parque Nacional da Peneda Gerês.

Links:
Hotel da Peneda.
Porta de Lamas de Mouro.


0 Responses to “Gerês – bloco de notas IV.”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


mário venda nova

contactos:

tlm 965 275 830

skype: elogiodasombra

"eu não quero saber se sou o primeiro a dar a notícia, só me preocupo em ter a informação correcta e fazê-lo bem. Essa é uma pressão diária."

larry king

trabalhos pessoais


mariovendanova.com
[este é o meu sítio pessoal onde estão os meus projectos já consolidados e acabados]

in every kind of light
[aqui estão os rascunhos dos meus projectos correntes e inacabados]

publicação de fotos

todas as fotografias pertencem aos respectivos autores assinalados e são publicadas apenas no estrito interesse do comentário e crítica sobre fotografia.

recursos


Loja 'o elogio' na Amazon
[larga variedade de livros de e sobre fotografia. se comprar via este link recebo uma pequena percentagem.]

Loja 'o elogio' na Amazon.com (EUA)
[igual ao link acima mas para a loja da Amazon EUA, de todas as compras continuo a receber uma pequena percentagem.]

Monochrom
[loja boutique, com artigos que não se encontram noutras lojas. os pápeis de impressão fine-art são bons.]

arquivo

stats