19
Maio
08

José Jupiter.

Não gosto de apontar fotógrafos cujo trabalho esteja exposto apenas em sítios de partilha online, do género do flickr ou do photo.net mas desta vez abro uma excepção para este set do fotógrafo lisboeta José Júpiter dado que não existe outra alternativa para o mostrar.
Há qualquer coisa de extraordinário nestas fotografias, de muito bom mesmo, e ao qual eu não consigo escapar; a singularidade das imagens não advém da edição ou de qualquer truque, antes pelo contrário, este conjunto é à partida muito simples mas propõe-nos um diálogo interessante sobre nós próprios e connosco próprios. Encenadas, o José revela-nos um conjunto de fotografias cinemáticas, como se fossem fotogramas de um filme.
Não consegui assim resistir e coloquei-o aqui e há uma foto que me agrada particularmente, a última. A fragilidade daquele homem de arma na mão é a última das contradições, algo tão irreal quanto o acto de o captar. É talvez uma das melhores fotografias contemporâneas que vi nestes meses de 2008.

Today I… (set no flickr)


3 Responses to “José Jupiter.”


  1. Maio 20, 2008 às 10:54 pm

    Este fotógrafo não é uma pessoa qualquer. Tive a fortuna de o conhecer pessoalmente e de trabalhar a seu lado durante dois anos e meio. Não no âmbito da fotografia, mas noutra área na qual também é mestre.

    É senhor de uma humilde e atroz genialidade e sensível como poucos, em todos os campos da sua vida. Por exemplo, é de longe um dos melhores disc jockeys que há ouvi, e ouvia-o quase todo o dia, quase todos os dias, no local de trabalho que compartilhávamos. Isto foi já há alguns anos, mas a sua selecção da altura ainda representa uma boa percentagem da música que ouço, hoje.

    Na fotografia ou noutra forma de expressão qualquer, a sua singularidade salta sempre à vista e deixa-nos sem palavras – e é sempre tudo tão pessoal (é ele próprio quem está na tal última e fantástica fotografia).

    Até o seu sentido de humor é absolutamente único e completamente desconcertante.

    ZeCa, um grande abraço para ti, desde teu colega cuja vida marcaste e que nunca te esqueceu!

    Mário, muito obrigado por teres encontrado esta série e a teres divulgado. Se conhecesses o “personagem”, ias querer ver tudo aquilo que já criou ou em que já se envolveu.

  2. Maio 24, 2008 às 4:32 pm

    Fernado obrigado por nos dar a conhecer melhor a personagem José Júpiter e o homem por trás dela.

    Um abraço.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


mário venda nova

contactos:

tlm 965 275 830

skype: elogiodasombra

"eu não quero saber se sou o primeiro a dar a notícia, só me preocupo em ter a informação correcta e fazê-lo bem. Essa é uma pressão diária."

larry king

trabalhos pessoais


mariovendanova.com
[este é o meu sítio pessoal onde estão os meus projectos já consolidados e acabados]

in every kind of light
[aqui estão os rascunhos dos meus projectos correntes e inacabados]

publicação de fotos

todas as fotografias pertencem aos respectivos autores assinalados e são publicadas apenas no estrito interesse do comentário e crítica sobre fotografia.

recursos


Loja 'o elogio' na Amazon
[larga variedade de livros de e sobre fotografia. se comprar via este link recebo uma pequena percentagem.]

Loja 'o elogio' na Amazon.com (EUA)
[igual ao link acima mas para a loja da Amazon EUA, de todas as compras continuo a receber uma pequena percentagem.]

Monochrom
[loja boutique, com artigos que não se encontram noutras lojas. os pápeis de impressão fine-art são bons.]

arquivo

stats